Primeiro sapatinho Maria Isabela

Intuição!… ? Na gravidez do Bernardo, eu não tinha qualquer sintoma característico, meu ciclo não estava atrasado, mas ainda assim, ao buscar o resultado de um outro exame que eu tinha feito, cogitei fazer o de sangue, pois estava com uma sensação de que poderia ter um bebê ali.

Todavia, pensei que poderia ser apenas meu desejo de tornar-me mãe, e como esperava que as coisas seguissem com leveza, naturalmente, não fiz o exame de sangue.

Viajaríamos de férias no dia seguinte e, durante a viagem, nem pensei mais no assunto, até que dois dias antes do final da viagem, já no terceiro e último destino, estava numa sorveteria com o Alan e parei para pensar no meu ciclo, quando me dei conta de que já estava com uns dez dias de atraso. Fiquei em dúvida sobre fazer ou não o teste de farmácia, mas decidi fazer. Fomos até uma drogaria e escolhi uma caixinha com teste digital (com duas unidades).

Em seguida, voltamos para o hotel e fizemos. Tinha um bebê a caminho e eu estava com seis semanas de gestação. Comemoramos, choramos e fomos dormir, felizes da vida. Desde o início eu senti que seria um menino. ?

No dia seguinte, fizemos um passeio de bicicleta pela cidade (estávamos em San Francisco, Califórnia) e tirei uma foto com a Golden Gate Bridge ao fundo, segurando o teste.

Este ano, comecei a me sentir mal antes mesmo de intuir e descobrir (bem no início), e como os sintomas eram diferentes da anterior (queda de pressão, tontura, e etc.) não liguei à gravidez. Antes do meu ciclo atrasar, comecei a enjoar da omelete que costumava comer no café da manhã, e cheguei a pensar que fosse consequência do tratamento que eu estava fazendo com o nutrólogo para melhorar o estado geral de saúde.

Já com alguns dias de atraso no ciclo, senti que tinha um bebê a caminho, mas como também estávamos às vésperas de uma viagem de férias (o que era muita coincidência), resolvi deixar para confirmar no terceiro e último destino (Paris), usando o segundo teste que veio na caixinha que comprei na época do Bernardo.

Na véspera da viagem, porém (em razão de uma medicação que teria que tomar), resolvi fazer o exame de sangue e então confirmei minha intuição! ?

Ainda assim, quis fazer o teste de farmácia e registrar o momento como planejado inicialmente, inclusive usando a mesma roupa do registro da descoberta da gestação do Bernardo. E deu tudo certo!

Descoberta gravidez Bernardo e Maria

Para completar, na nossa última consulta (com 15 semanas de gestação), confirmamos na ultrassonografia uma outra intuição: é uma menina. ?

O sapatinho rosa da foto foi o primeiro presente (e único até agora) que comprei no primeiro dia de viagem (em Londres), quando tinha acabado de descobrir a gravidez (e, no íntimo, já sabia que seria uma menina). ❤️

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *